PATROCINADO:

BEM VINDO! Hoje é - 00:00:00

Busca

PATROCINADO:

Dois acidentes e uma morte: Jovem morto em acidente era Agente de Trânsito em Santa Catarina


Diego Moreira Martins estava com a namorada, que não ficou ferida no acidente


Diego Moreira Martins era de Baependi e morava em Santa Catarina. - Foto: Redes Sociais

Diego Moreira Martins era de Baependi e morava em Santa Catarina. - Foto: Redes Sociais

Veículo Sandero, de Diego Moreira Martins, ficou completamente destruído com o impacto. - Foto: Redes Sociais

Irmãos foram vítimas de acidente na entrada de Caxambu. - Foto: Redes Sociais

Fonte: Da Redação



Dois acidentes ocorridos praticamente no mesmo horário, e em poucos metros de distância, chocou o sul de Minas Gerais, na tarde deste sábado, dia 5 de janeiro. Em um deles, um jovem acabou falecendo. Ele era Agente de Trânsito em Pomerode (SC), e estava com a namorada, no momento do acidente. Ela não se feriu.
O acidente menos grave aconteceu no entrada de Caxambu, numa localidade conhecida como Beira Bengo. Não há informações de quem dirigia o VW Gol, placas JQS 8187, de Caxambu, e que bateu em um poste. Os irmãos Gilmar e Martinho estavam dentro do veículo. Eles são filhos de um comerciante conhecido como Martinho, que tinha açougue em Caxambu. Gilmar está bem, mas o irmão dele se machucou bastante e ainda estava hospitalizado.
O segundo acidente foi mais grave e tirou a vida do Agente de Trânsito Diego Moreira Martins. Natural de Baependi, o motorista morava em Timbó e trabalhava em Pomerode (SC). Ele também trabalhava na Fhapyoka Restaurante, na mesma região catarinense.
Pelas redes sociais, as informações são de que o jovem teria 22 anos, mas nos registros da empresa em que ele atuava, a informação é de que ele era da idade de 28 anos.
Diego Moreira Martins dirigia um Renault Sandero, placas PWR 0120, de Timbó (SC), quando se envolveu no acidente. Segundo relatos de testemunhas, o veículo perdeu o controle, vindo a colidir com uma árvore. O Samu tentou reanimar o motorista, mas ele não resistiu aos ferimentos e faleceu no local. A namorada, que estava de carona, foi encaminhada ao hospital e passa bem. Diego atuava na Getran há cerca de quatro anos. O velório e o sepultamento irão ocorrer em Caxambu.




PATROCINADO: