EDITORIA: CIDADES


Atualizado em 2017-04-10 15:39:49

SESSÃO SOLENE ABRE OS TRABALHOS DA 31ª EDIÇÃO DO ENCONTRO DE EDUCADORES

O Sindicato de Supervisores de Ensino de São Paulo traz para Caxambu a reflexão sobre a educação escolar e as desigualdades do país




O Sindicato-APASE realizou a abertura solene do seu XXXI Encontro Anual de Supervisores do Magistério em Caxambu/MG, na tarde do dia 04 de abril no auditório do Hotel Glória Caxambu, com o tema “Educação e desigualdades no Brasil: um balanço crítico em meio à caminhada”. 

Na mesa de abertura estavam: a Presidente do Sindicato-APASE, Rosângela Aparecida Ferini Vargas Chede; o deputado estadual de São Paulo Carlos Giannazi; os representantes do município sede, o vice-prefeito Luiz Henrique Diório de Souza; o secretário de Turismo, Gustavo de Paiva Resende Toledo; e a representante da secretaria de Educação, a supervisora pedagógica Maria José Morais de Oliveira; além da presidente da Assers (Associação dos Supervisores de Ensino do Rio Grande do Sul), Yolanda Pereira Morel; e do representante do Conselho Deliberativo APASE, Juarez Bernardino de Oliveira.

Após os pronunciamentos dos integrantes da mesa, teve início a palestra da Prof. Dra. Lisete Regina Gomes Arelaro, professora titular da Faculdade de Educação da USP, que abordou o tema título do evento. Para ela, o “tema é bastante importante, porque é uma questão que temos perdido a tradição de fazer que é discutir um pouco mais o Brasil”. Ela acredita que essa discussão ajude a saber, “a partir das questões que estamos vivendo, que caminhos estão sendo apontados, e nos caminhos apontados, se divergimos, que alternativas exatamente existem para levarmos adiante uma proposta de educação que seja, historicamente, mais justa e solidária com as crianças e os jovens brasileiros”.

Serão quatro dias, de 04 a 07 de abril, para discutir os rumos da educação escolar e da supervisão de ensino no atual contexto socioeconômico e político do Brasil e do mundo. 

A participação de palestrantes renomados da área da Educação pretende, em cada tópico abordado, subsidiar a reflexão dos educadores sobre sua atuação profissional e a tomada de decisão no sentido de efetivarem correções, retomadas e redirecionamentos, propiciar acesso a referenciais teóricos abrindo espaços de debate, e compartilhar experiências e propostas de ação.

Para essa reflexão está prevista a participação de mais de 200 profissionais de educação entre inscritos da rede estadual da Capital, Grande São Paulo, interior, os inscritos de prefeituras municipais paulistas e dos Estados de Minas Gerais e Rio Grande do Sul.



Fonte: ASSESSORIA DE IMPRENSA

  Confira mais fotos desta notícia!





Dê sua opinião sobre o assunto:

Compartilhe essa notícia: