EDITORIA: CIDADES


Atualizado em 2017-04-20 12:55:27

São Tomé das Letras: opção de turismo para quem quer se conectar com a natureza

Localizada no Sul de Minas, cidade tem diversas opções de cachoeira, bosques e grutas



Igreja Nossa Senhora do Rosário, conhecida como Igreja de Pedra (Foto: Dih Seixas)


Cachoeira Véu da Noiva (Foto: Dih Seixas)

São Tomé das Letras é o destino ideal para quem quer descansar, curtir e se conectar com a natureza. Com pouco mais de 6,5 mil habitantes (segundo o Censo IBGE de 2010), a cidade tem diversas cachoeiras, grutas e bosques, além de contar também com uma tradição de cultura mística e esotérica.

A leveza natural, no entanto, contrasta com a dureza das pedras, uma das principais caraterísticas da cidade. São ruas, casas, igrejas e muito artesanato feito com rochas na cidade - o mais provável é que o turista esbarre em alguns vendedores logo que checar ao Centro da cidade.

Turista, aliás, que não deve ter dificuldades para encontrar onde se hospedar, já que São Tomé das Letras conta com 91 locais, entre pousadas, hotéis e campings, que dificilmente ficam lotados - com exceção aos finais de semana de festas na cidade - como em agosto e outubro. A cidade também tem 45 restaurantes e bares, segundo o Inventário Turístico realizado pela secretaria de Turismo em 2015.

Mas além de conhecer os pontos históricos e tombados, onde é possível absorver um pouco da herança cultural de Minas Gerais, quem visita a cidade em geral deve aproveitar para entrar mais em contato com a natureza, aproveitando as cachoeiras, grutas e centros históricos que São Tomé oferece. Pensando nisso, o G1 separou algumas dicas de destino no município.

Cachoeiras

Cachoeira Véu da Noiva
São Tomé das Letras tem diversas cachoeiras com características bem diferentes e que merecem ser visitadas. Uma delas, no entanto, se destaca pela imponência: a Véu da Noiva. São cerca de 25 metros de queda d'água, com um poço de aproxidamente 3,5 metros de profundidade, segundo o Inventário Turístico do município.
O volume de água da queda no local é o maior da cidade e a correnteza se divide entre as pedras da região, permitindo também a prática de atividades esportivas. A água segue até a Cachoeira do Paraíso, onde forma uma piscina natural também muito visitada por moradores e turistas.

Vale das Borboletas
O vale recebeu esse nome devido a grande quantidade de borboletas que habitam as matas da região. Logo na descida até as duas quedas d'água, de aproximadamente 6 metros de altura, já é possível avistar as mais diversas espécies, que aumentam ou diminuem de acordo com as estações do ano - segundo a Secretaria de Turismo da cidade, janeiro é quando aparecem mais borboletas.
Além disso, o poço formado pelas cachoeiras, que ficam na serra entre São Tomé e Três Corações, formam uma piscina de água natural de cerca de 10 metros, conhecido como Poço dos Gnomos.

Outras
São Tomé das Letras conta ainda com outras grande cachoeiras, cada uma com características específicas que trazem mais encanto à cidade. Entre elas, estão a Sangri-lá, localizada no alto do Pico do Gavião, onde a correnteza percorre um caminho de cerca de 1 km de quartzo rosa, formando um belo aspecto cristalino; a Paraíso, que fica na estrada de terra que liga o município a Baependi, onde as diversas quedas entre as rochas dão forma à beleza do local; a Antares, no caminho para Conceição do Rio Verde, fica em uma área de preservação em meio à mata; a Cachoeira da Lua, perto do povoado de Sobradinho, é conhecida pelo reflexo na água na fase da lua cheia; e a Eubiose traz o conforto de ser uma das mais próximas da cidade.

Grutas

Curimbado
Um dos lugares mais místicos de São Tomé das Letras. Segundo uma das lendas, ligaria o município a Machu Pichu, no Peru. Uma distância de quase 4 mil quilômetros. Outra lenda diz que dentro das cavernas existiria um portal ligando as duas cidades. Ninguém teria chegado ao fim da caverna para desvendar os mistérios. Fato é que a gruta fica a 6 km de São Tomé, no caminho para São Bento Abade, onde pode ser visitada.

Sobradinho
Sobradinho, distrito de São Tomé das Letras, conta uma cachoeira com quedas d'água de 6 metros, que resultam em piscinas naturais de frente para uma das grutas que tem cerca de 150 metros de comprimento. Mas o principal atrativo do local é a gruta que leva o nome do povoado e tem aproximadamente 100 metros de extensão. O entorno do local conta também com uma boa infraestrutura, com um bares e lojas para os turistas.
Além disso, a Gruta do Labirinto situa-se próximo ao Sobradinho. O nome vem das sete entradas possíveis, que por vezes podem confundir quem vai ao local.

Imperdível

Pôr do Sol na Pirâmide
Talvez não haja ponto turístico mais visitado em São Tomé do que a Casa da Pirâmide. O local é o destino definitivo para ver o pôr do sol na cidade e reune centenas de pesssoas diariamente. Não raro, grupos levam também instrumentos musicais para fazer a trilha sonora enquanto o astro se vai no horizonte.
A construção, em formato piramidal, tem várias janelas e fica em um dos pontos mais altos da cidade, que fica a 1440 m de altitude. A localização resulta em uma das vistas mais bonitas da região, sobre todo o vale em que se localiza o município.

Cruzeiro
E quem já está na Casa da Pirâmide não pode deixar de subir até o Cruzeiro, localizado pouco acima, também no Parque Antônio Rosa. A distância é curta e permite uma vista ainda melhor da região, ficando apenas abaixo do Mirante. Além disso, a caminhada pelas pedras é um atrativo do local. Além disso, o local também é tido como um dos melhores para avistar estrelas e luzes no céu.

Localização

São Tomé das Letras está na metade do caminho entre três das principais capitais brasileiras: fica a 350 km de São Paulo (SP), 321 km do Rio de Janeiro (RJ) e 309 de Belo Horizonte (MG). Além disso, fica a apenas 43 km do município de Três Corações (MG), localizado às margens da Rodovia Fernão Dias.
A cidade também fica no trecho do projeto Estrada Real que liga Baependi (MG) e Cruzília (MG). O projeto foi criado para preservar os percursos utilizados como rota de ligação entre o litoral do Rio de Janeiro e o interior de Minas Gerais.



Fonte: Portal G1 Sul de Minas

  Confira mais fotos desta notícia!





Dê sua opinião sobre o assunto:

Compartilhe essa notícia: